Nubank lançou compartilhamento de pagamentos no aplicativo

O banco digital Nubank Brasileiro lançou um recurso que permite ao usuário compartilhar pagamentos por produtos e serviços com amigos e parentes, em um cartão de débito ou crédito. A fintech já tinha sido bastante inovadora ao permitir que todo saldo colocado em conta corrente na verdade está sendo aplicado em tesouro direto, ou seja, o rendimento da Nuconta acaba sendo maior do que o da poupança mensalmente.

Como funciona?

O usuário entra no número de amigos com quem quer compartilhar a quantia. O montante total da despesa, e a divisão é feita automaticamente no aplicativo. Também é possível definir valores específicos para cada usuário no final, os contatos recebem um lembrete para fazer o pagamento com o valor certo e os dados de transferência do usuário responsável pelo pagamento. Se a pessoa é um cliente, é ainda mais fácil: o lembrete vai como uma notificação no aplicativo e eles só precisam confirmar o montante para fazer o pagamento, pelo cartão de crédito ou aplicativo.

De acordo com a empresa, a divisão de pagamento também pode ser feita com pessoas que não são clientes Nubank. Mas o recurso não está disponível para todos os clientes ainda, ele será lançado gradualmente.

O Nubank a frente dos bancos digitais

O Brasil é o terceiro maior mercado em volume de usership para aplicações financeiras do mundo, atrás da China e da Índia, de acordo com o relatório Mobile Finance Apps 2020, lançado pela plataforma de marketing Liftoff, em parceria com a App Annie. O relatório é baseado em dados de 2019, mas inclui um postword stationg que o volume de sessões de aplicativos financeiros aumentou em 35% durante a pandemia COVID-19 no país.

Entre os destaques está o fato de que a Nubank tem o aplicativo financeiro mais usado no Brasil, seguido por aplicativos da FGTS, PicPay, Caixa Econômica Federal e Mercado Pago.

Entre os cinco primeiros do país, apenas um aplicativo (da Caixa Econômica Federal) é oferecido por um banco tradicional e três vêm da fintechs. A FGTS oferece consulta ao fundo de indemnização por cessação de funções, um fundo obrigatório que os empregadores devem manter para cada trabalhador registado, e que é também administrado pela Caixa Económica.

O Nubank também se destaca como um dos aplicativos financeiros que mais cresceu em número de downloads no mundo em 2019. O número de vezes que foi baixado aumentou 50% no ano passado. Isso coloca a fintech brasileira em 9º lugar entre os melhores aplicativos do gênero no ano passado.

sakagura Autor